Transmissão

O Amor Divino e a sua condescendência

Mensagem: O Super Sinal


        66 ...Ele chorou como um bebê na manjedoura. Ele brincou como um garoto na rua. Ele trabalhou duro como um homem, mas ainda assim ele foi Emanuel. Este é o super sinal: Deus habitando na criação que Ele criou. O super sinal "Isso será um sinal para vós."
Ele era tão pobre quando Ele veio à terra, Ele veio através de um útero emprestado, um útero emprestado de uma mulher, e teve que emprestar uma sepultura para ser enterrado nela. Deus ^ Uma virgem conceberá sem intercurso sexual.
Jeová emprestou o útero de Maria, uma mulher, para realizar o dever, que ele daria um sinal eterno. E era tão pobre na terra, depois de trinta e três anos e meio de ministério, Ele teve que emprestar uma sepultura para ser enterrado nela. Você pode imaginar? Falar a respeito de uma concepção imaculada, o que quer dizer isto de qualquer forma?
68 Não pode você ver o verdadeiro sinal ? É Jeová se tornando um de nós: Jeová Deus na Terra, como um fugitivo, um peregrino na terra que Ele criou: rejeitado, e empurrado, e caçoado, e zombado; uma pedra de tropeço para o descrente, uma Rocha de ofensa; um diabo para o mundo religioso, mas um sinal eterno para o crente, “Deus conosco”, o super Sinal. Você vê isso ? Deus feito manifesto, Deus apresentando a Si mesmo para o mundo como um fugitivo; poderia vir de alguma outra maneira, mas escolheu vir dessa maneira. 
Ouça isso. Não perca isso. 
Eu penso que Deus tinha isso eu Sua mente para que pudesse atrair o ser humano. Isso é para o crente. Isso está atraindo quando nosso Deus se tornou um de nós, mas para o formal, incrédulo (ímpio), uma pedra de tropeço.”Eu vos darei o sinal, uma virgem conceberá. Emanuel estará com vocês.” Deus pensou que isso atrairia a raça humana, que nosso Deus pudesse se tornar um de nós, que ele pudesse transpor Ele mesmo e se tornar nosso pó, para que ele pudesse se tornar nossa raça, a raça humana, o Criador que fez todas as coisas. E novamente isso cumpriu a profecia. Os profetas viram isso.
70 E outra coisa, a palavra foi feita pó, carne, e habitou entre nós. O Jeová, a Palavra se tornou humana, se tornou pó, e tabernacolizou conosco. Eterno sinal nunca encerra. Oh, quando nós pensamos nisso, um eterno sinal, o super Sinal de todos os sinais, Deus se tornando um de nós. 
71 Então novamente, Ele deve ser a Semente de Abrahão. Abrahão, claro, foi a semente de Eva. Ele foi a semente da mulher que foi para pisar a cabeça da serpente. Mas Abrahão, se você captar isso, ele tinha fé em Deus, que uniu o espírito de Deus com a carne humana. Que é quando a fé vem. Este é o porque Ele poderia ser a semente de Abrahão, não toda a carne, mas a união do espírito e carne juntas, Deus, fazendo Ele mesmo, rasgando, desarraigando todo mal, trazendo em submissão a carne, o pó que ele criou, e vive com com vocês como um um parceiro.
72 Outra coisa, Ele nunca violou ou contestou nenhuma de Suas leis. Ele não pode fazer isto. Então, uma virgem! “Eu te darei um sinal”, não um Titanic, não as Nações Unidas, mas “Eu te darei um sinal de segurança. Uma virgem conceberá, e ela trará um Filho, e Ele será chamado Emanuel ”. Este é o sinal. Sim. 
73 Você vê, nas leis de redenção de Deus, como isso foi com Boaz e Noemi, isso tinha que ser um parente redentor. E a única maneira que o homem poderia ser redimido, Deus tinha que se tornar um parente, próximo. Eu queria que você visse isso. Ele nunca teve parentesco de modo geral com os ricos e os poderosos, mas Ele nasceu em um estábulo, enrolado em faixas; não adulto, mas uma criança. Ele era Deus sobre a criação. Ele escolheu isso. Não vir um homem maduro; Ele veio para que Ele pudesse sofrer os sentimentos dos bebezinhos. Ele veio para que Ele pudesse passar pelas tentações dos adolescentes. Pudesse ir, para que Ele pudesse lutar contra os laços e as ciladas do Diabo, como um homem, e fazer um caminho para pessoas de todas as idades, de todas as idades e classes: o pobre, o rico, e todos. Ele Se tornou pobre, para que, através de Sua pobreza, nós pudéssemos nos tornar ricos e herdeiros com Ele no Reino. Um sinal seria dado, através Dele mesmo, fazendo a Si mesmo algo diferente do que Ele era; agora um super sinal, chorando como um bebê, brincando como um menino, trabalhando como um homem, mas isto era Deus vivendo em todos os estágios da vida como nós vivemos.
74 Você sabe, Deus deu muitos sinais de que Ele era Deus. Ele deu um sinal para o mundo antediluviano, que Ele era Deus, o Deus do juízo. Ele afogou o povo nos dias de Noé, e fez flutuar os justos na arca; um sinal de que Ele era justo, e o juízo era certo. Este é um sinal, que cada pecador não arrependido perecerá no julgamento, que o justo será salvo pela misericórdia de Deus.
75 Ele deu outro sinal na sarça ardente. O que foi isto quando Ele apanhou o Seu profeta fugitivo: “Tenho ouvido o clamor de Meu povo, e lembrei do Meu pacto”? Ele deu outro sinal ali, que Ele era um Deus que guardava o pacto, que Ele lembrava de tudo que Ele disse, cada promessa que Ele fez. Ele deu um sinal na sarça ardente: “E Eu desci para liberta-los”.
76 Observe a Deus em Suas maneiras de operar. Quando Ele criou os Céus e a terra, Ele ajuntou os Anjos, e Ele disse: “Façamos”. Cada lugar na Escritura onde Ele fez qualquer coisa, na maior parte: “Não Eu, mas Meu Pai”.
77 Mas quando isto chegou ao plano de redenção, Ele veio só, ninguém estava com Ele. Ele era o Único que podia vir. Um Anjo não podia fazer isto. Outro homem, chamado Seu filho, não podia fazer isto. Outro chamado outra coisa, uma virgem santa, ou uma mãe santa, ou - ou algum santo, não podia fazer isto. Deus tinha que vir! “E Eu lhes darei um sinal. Uma virgem conceberá; e um filho nascerá, e Ele será Emanuel, Deus conosco”, o super sinal. Deus em Seu povo. Deus com Seu povo. Deus Se torna o Seu povo. Deus e o homem se tornam um. Um sinal! Uma pedra de tropeço para o mundo, mas uma esperança bendita para o crente. Um sinal que falarão mal dele.
78 Ele teve outro tempo que provou. Ele provou no dilúvio que Ele era o Deus do julgamento, e o Deus da misericórdia para aqueles que guardam os Seus Mandamentos...

0 comentários:

Postar um comentário